quarta-feira, 4 de abril de 2012

Fim-de-semana, volta que estás perdoado!

Estou mortinha por que chegue o fim-de-semana que, apesar do intervalo de um sábado de trabalho, avizinha-se longo e espero que com sol para aquecer a alma.
Francamente nem sei bem porque raio o anseio uma vez que nem planos tenho para ele. Não sei se ficaremos em casa a contar os tostões e a pensar nas arrumações. Não sei se vamos laurear a pevide de manhã à noite. Mas olha... ele que venha depressa que o bom disto tudo é estarmos os três 24 horas/dia.
Podia estar um calorzinho bom que eu dizia-te já o que fazia... ai ai churrasquinho e papo para o ar.

Sem comentários: